Translate

domingo, 3 de setembro de 2017

Pequei!

Fui à praia com o homem e os 2 mais velhos. Às tantas já não podia ouvir o Gonçalo a pedir um gelado.
O homem perguntou-me se preferia que fosse ele a ir lá com o miúdo, mas aqui a gorda, cheia de confiança, e com um arzinho de quem engoliu um garfo de virar bifes, disse logo: Ahhhh, qual quê, eu vou! #estúpida
Estava tão segura de mim quanto ao gelado, tãaaaao segura… mas "cum" raio, QUEM É QUE VENDE BOLAS DE BERLIM NUMA BARRACA DE UMA MARCA DE GELADOS?! Quem?! Como é que eu ia adivinhar?!
Quando dou por mim tinha a boca escancarada a devorar uma Bola de Berlim, COM CREME!
Ainda tive a lata de fechar os olhinhos para sentir cada pedacinho de óleo, açúcar e creme a aconchegarem-se nos refegos das costas, nos troncos, na traineira e no meu papinho duplo...
Quando terminei estava o Gonçalo de boca aberta a olhar para mim… só para terem uma ideia da “finesse” com que abalroei aquilo.
Naquele momento dei início ao modo penitência…. Estava já lançadíssima na auto-culpabilização quando chega uma senhora, esculpida pelo diabo, e pede o quê? Um copo com água?! Nãaaaaa, pede uma m* de uma Bola de Berlim COM CREME!
Ainda tive esperança que fosse levar aquilo a alguém, mas não… começou a comê-la ali mesmo!
Peguei nas banhas e no Gonçalo e fugi dali, DEVAGAR, porque andar na areia da praia é-me tão fácil quanto olhar para uma Bola de Berlim e não a comer…
Entreguei o puto ao pai e decidi andar às voltas até calcular que pelo menos o açúcar que rodeia a bola me saía do lombo…
Meus amigos e minhas amigas, estive tão perto de me livrar não só do açúcar como de toda a bolinha e ainda do jantar do dia anterior e do almoço de há 2 dias…
Então não é que, devido à brisazinha que se fazia sentir, o calção de um senhor, deitadinho de barriga para cima, mostrava estrategicamente todo o seu “Toninho” e respetivos enfeites?
Mas para que é que ele foi tirar a rede dos calções?!
Terá ideia que o trauma que provoca, a quem tem a sina de deparar-se com o seu Toninho, é bem pior que a comichãozinha que a rede lhe possa provocar nos acessórios?!
Ainda se fosse um Brad Pitt… Eu até era menina para andar ali à volta dele como se formasse uma ilha.
Mas não, era um senhor já em estado de tumefação das horas ao sol. Estava a segundos de gangrenar! E dizer que estava de barriga para cima é ofender até a minha barriga de 6 meses, aquilo era mais o monte alentejano mas com pêlo, muuuuito pêlo. Ahhhh e estava calçado – com uns sapatos de cerimónia, SEM PIÚGO!
Ou seja, tive à minha disposição toda uma reunião única de factores de ir ao vómito.
Mas claro, aqui a menina, para além de gorda é incompetente! Fiquei-me pela náusea…
Lá voltei a pegar nas banhas, mais nas náuseas e, por uma questão de segurança, fui-me autopenitenciar para a toalha.
(não sem antes voltar a cruzar-me com a magra, bronzeada, enfiada num biquíni azul, a fazer pandã com os meus olhos).
Eu bem digo que a praia me é nociva!
E eu que só queria um casalinho...
A Mãe dos Quatro!
#eeuquesoqueriaumcasalinho
#amaedosquatro

Sem comentários:

Enviar um comentário