Translate

sábado, 11 de fevereiro de 2017

Temos de mostrar à máquina de lavar loiça quem é que manda aqui!

Se há coisinha que eu dava um pedaço generoso do lóbulo da orelha para não ter de fazer é lavar loiça à mão... ODEIO!
E, como odeio, são inúmeras as vezes que ao retirar a loiça lavada da máquina vejo um copo ou travessa ou tacho ou tudo junto que resolveu comportar-se como um íman de toda a bodega presente nas redondezas.
Uma pessoa normal o que faz? Tira e lava à mão.
O que faz a minha pessoa?
Volta a colocar lá dentro ou então nem chega a tirar, isto apesar dos vastos anos a usar máquinas de lavar me dizerem que assim que o merdum seca e cola, tipo lapa, ao vidro de uma treta qualquer, só sai esfregando avidamente.
Eu tenho esperança que a máquina se sinta mal e diga que tem de justificar a catrefada de dinheiro que dei por ela e, portanto, na próxima lavagem se esfalfe para atingir o pico da perfeição. Até a motivo, com palavras de amor, antes de fechar o raisparta da porta!
Outra hipótese tão brilhante, válida e inteligente como a anterior é que com o treino ela vá tendo um melhor desempenho. Lavou um copo menos bem, mas agora com a experiência acumulada a coisa vai sair muuuuuuito melhor, nem que para isso tenha de treinar por mais 6 lavagens...
Vejam lá que a minha boa vontade é tanta que chego a baralhar as peças, para a confundir, estão a ver a ideia?! Assim ela pensa que é loiça diferente e lava logo de outra maneira, "Ahhh e tal isto sim merece ficar lavado com dignidade!".
Mas não...
Findo este ciclo INVARIÁVEL de falhanços, coloco o material num cantinho para o lavar à mão, "assim que possa", depois é só fingir que me esqueci dele lá. Como moro no campo pode ser que uma osga, um sapo ou até um daqueles moscardos gigantes se encarreguem da tarefa. Esta hipótese é mais provável do que ser o homem a arregaçar as mangas e colocar um avental...
É por estas e por outras que eu costumo dizer que se tivesse umas patacas valentes, a ponto de me sobrarem desalmadamente ao final do mês, contratava alguém só para lavar esta loiça à mão e, já agora, para fazer exercício físico por mim, vá... #odeiotantoumacoisacomooutra
E eu que só queria um casalinho...
A Mãe dos Quatro!

Sem comentários:

Enviar um comentário