Translate

sábado, 25 de fevereiro de 2017

Quem é o Vilela?!

Na semana passada, o Arcanjo Miguel (4 anos) esteve adoentado, não foi à escola um dia, ficou comigo em casa.
À noite, quando o pai chega a casa pergunta-lhe se está melhor e o que fez durante a sua estadia em casa:
Ele: Estou melhor pai e brinquei com o Vilela.
Pai: Com o Vilela?! Quem é o Vilela?
Ele: Um amigo da mãe!
(Eu até aqui não tinha dito nada porque pensei que era aquela coisa fofa das crianças terem um amigo imaginário. Nenhum dos meus 4 teve, portanto pensei que tinha chegado o dia de eu ter uma criança "normal"... Mas não... Claro que não!).
Saio da cozinha disparada...
Eu: Ó Miguel, mas que conversa é essa?! (Digo eu de batata meio descascada e de facalhão na mão). Nem sequer conheço alguém com esse nome!!!
Pai: Ahhhh olha a mãe tão nervosa, não sabia que tinha um amigo chamado Vilela que vinha cá a casa... Tem calma, Rita! (Só queria que ouvisse o tom usado em "RITA").
Miguel: Estivemos a jogar à bola, pai! (Diz tranquilamente...). #oraiodoputo
(Cuspi-me toda a barafustar, troquei sílabas, tremi de um olho, deixei cair o facalhão, fiquei cheia de comichão no nariz por causa de abanar a cabeleira com os nervos, cocei-me com as mãos sujas do amido da batata, entrou-me todo um cabelo pela boca e tudo isto enquanto tentava manter um ar credível perante o homem embasbacado...).
Desisti e voltei para a cozinha, não sem antes tropeçar no meu próprio pé...
Desde então oiço todo o tipo de piadinhas, piadolas, piaduscas, vindas das entranhas do homem...
Ah e tal as criancinhas não mentem... O TANAS!
Só vos digo que se fosse ao contrário OBVIAMENTE que eu acreditava na palavra do homem!
Se um dos meus queridos filhos me contasse que esteve a brincar com uma amiga do pai, em nossa casa, ÓBVIO que eu não ia acreditar, nem tocava mais no assunto!
(Nunca iria examinar exaustivamente o telemóvel, o Facebook, o PC, o Tablet, a carteira, o carro, os bolsos, toda a sua roupa, torturá-lo com perguntas de todo o género e ameaçá-lo que o acarinhava bem ao jeitinho da outra que cortou o sangalho do seu senhor,...).
Mas enfim, é o que temos por cá... #eucortavaohomemàspostasfininhas
E eu que só queria um casalinho...
A Mãe dos Quatro!
#eeuquesoqueriaumcasalinho
#amaedosquatro
#tamojuntas

Sem comentários:

Enviar um comentário